Anticorpos

Facebook Twitter Email

Amanheci, mas já era tarde
um silêncio sólido me lambe
despótica língua de mastim
deixou-me à míngua de mim


surpresas desagradáveis
moídas
de esguelho

Da janela se vê o muro
Meu humor vítreo examina
de soslaio o sol escuro
Humor aquoso que confina


tristezas disfarçadas
pulverizadas
no espelho

Percorri a via na intuição
inalei a silenciosa solidão
Afoga-me num líquido imaginário!
Adormeci, e já era tarde


[Bibi Monteiro]mais poesias da autora



Os comentários estão desativados.